Psicóloga compra iPhone pela internet e recebe tijolo

Psicóloga compra iPhone 6 no site das Casas Bahia e fica indignada ao receber um tijolo

Não é a primeira vez que acontece e dificilmente será a última.

Todo mundo que faz compras pela internet já ouviu um relato esquisito envolvendo produtos quebrados, mercadorias trocadas e itens que sequer chegaram. A psicóloga Talyta de Souza, moradora de São José do Rio Preto, em São Paulo, teve o desprazer de fazer parte da lista de clientes que passaram por situações desagradáveis desse tipo. Seu caso foi contado em reportagem exibida pelo Bom Dia Brasil desta terça-feira (22).

Talyta comprou um iPhone 6 por mais de R$ 3 mil no site das Casas Bahia. Quando a encomenda chegou, ela percebeu que a caixa estava muito pesada e os Correios declararam que o peso era de 1,2 Kg. O smartphone da Apple, na verdade, possui 129 gramas. Ou seja, o peso era dez vezes superior ao do celular.

E não é para menos. O que estava na caixa era um tijolo. Desconfiada, Talyta teve a ideia de filmar a abertura do pacote para usar como prova e mostrar que a encomenda não havia sido aberta.

NOTA DAS CASAS BAHIA

A assessoria de comunicação responsável pelo segmento de e-commerce do Grupo Pão de Açúcar, que inclui o site das Casas Bahia, enviou ao BitBlog o seguinte posicionamento:

A CasasBahia.com.br informa que o produto comprado pela cliente Talyta de Souza Lima foi adquirido em nosso site por intermédio da modalidade Marketplace, sendo vendido e entregue pela empresa AMKG. Após a ciência do relato da consumidora, o lojista foi consultado e, ato contínuo, foi acordado com a cliente o cancelamento da compra, com visualização do estorno entre uma ou duas faturas (de acordo com a data de corte/vencimento).

Os parceiros de marketplace (lojistas) da CasasBahia.com.br são criteriosamente analisados antes de iniciarem as vendas em nosso site. Nessa avaliação, é levantada, inclusive, a quantidade de reclamações em órgãos de Defesa do Consumidor. Uma vez aceitos em nosso site, são constantemente avaliados e monitorados por intermédio de uma nota interna. Se ela não for atingida, o lojista é descredenciado de forma temporária ou definitiva, como aconteceu com a AMKG desde 3 de dezembro.
A companhia se desculpa pelos eventuais transtornos e permanece à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais.

OUTROS CASOS

Em uma rápida busca no Reclame Aqui, encontramos outros relatos de pessoas que foram “presenteadas” com um tijolo ao comprar um aparelho celular pela internet. É interessante notar que os casos aconteceram em redes varejistas diferentes. Clique aqui para ver nossa publicação sobre isso.

“Auxiliando minha irmã a comprar pela internet pela primeira vez, depois de muito pesquisar um celular, escolhi o Extra, que tinha um bom preço e também confiável (…) Ao abrir, a grata surpresa: o pacote do celular violado e dentro apenas a caixa com os manuais e uma pedra de tijolo” (veja aqui o relato)

“Comprei, pelo site da Fast Shop, um celular Samsung S6 Edge que era um presente para minha esposa (…) A encomenda chegou hoje com um pedaço de tijolo!” (veja aqui o relato)

Há menos de uma semana, o internauta Daniel Andrade publicou no YouTube um vídeo em que abre uma caixa de um Microsoft Lumia comprado no site da Ponto Frio. Ele chegou a ser alertado pela empresa sobre a possibilidade de extravio do pedido, mas recebeu, mesmo assim, a encomenda. Ao abrir, encontrou apenas um tijolo. Veja abaixo: