Bravo Team

PlayStation na E3 2017: veja todos os anúncios da conferência

Em 2016, testemunhamos a loucura coletiva que foi ver Hideo Kojima no palco, anunciando Death Stranding. Foi tanta coisa boa que corremos na feira para jogar os principais destaques: Horizon Zero Dawn, Gran Turismo Sport (não teve post!), os não exclusivos Final Fantasy XV e Resident Evil VII, além de algumas surpresas do PS VR (Thumper, Batman Arkham VR, Wayward Sky, Psychounauts, Until Dawn: Rush of Blood e RIGS).

Para 2017, será que a Sony iria ganhar a E3 de novo? É possível ter um evento pré-E3 tão bom quanto o do ano passado? O gostinho que ficou foi: “temos bastantes games”. Mais uma vez, o BitBlog foi a Los Angeles participar da conferência do PlayStation e, por isso, temos aqui tudo que rolou.


Filas e filas no The Shrine Auditorium & Expo Hall. Várias demos foram expostas antes da conferência, em meio a comes e bebes. Entre títulos já lançados e alguns ainda não disponíveis, não tínhamos muita noção ainda das surpresas da Sony.

Por volta das 22h (horário de Brasília), corremos pra assegurar o nosso lugar. O evento começou com Uncharted: Lost Legacy, que chega em 23 de agosto ao PS4.

A platéia começou a ser surpreendida quando uma expansão de Horizon Zero Dawn, The Frozen Wilds, foi anunciada, com direito a trailer no telão. Dessa vez, as aventuras serão em terras bem geladas.

Um adulto correndo de bandidos e zumbis, com direito a muita ação, até resgatar o seu amigo. Foi com cenas de gameplay que finalmente pudemos conhecer mais de Days Gone, anunciado na E3 anterior!

Quando o nome “Capcom” apareceu no início do teaser seguinte, com um dragão gigante em seguida, perseguindo um guerreiro, pensamos: tá com cara de Monster Hunter. Dito e feito. Com visual caprichado, Monster Hunter World é o retorno da série a plataformas PlayStation.

Shadow of the Colossus ganhando remake no PS4? Sim, você não leu errado. O clássico de PS2 passou por uma grande evolução visual, com direito a gráficos mais realistas.

Com direito a explosões e muitos efeitos especiais no palco – praticamente matando alguns jornalistas do coração – Call of Duty World War II foi o destaque seguinte. Cenas ultra caprichadas de gameplay no PS4 Pro demonstraram o potencial do novo jogo, com lançamento em 3 de novembro. Destiny 2 surge, em meio ao anúncio de conteúdo exclusivo do PlayStation até meados de 2018. Marvel vs Capcom Infinite ganha trailer que arranca aplausos do público ao mostrar Mega Man e Dante.

O PlayStation VR é incrível (já tínhamos concluído isso na cobertura do ano anterior). E, para reforçar a biblioteca de quem adquiriu o caro acessório, uma enxurrada de títulos: Skyrim VR, o inédito Bravo Team, o misterioso Star Child, o prequel de Until Dawn chamado The Inpatient, o ratinho carismático de Moss e um título de pesca baseado em Final Fantasy XV (estou ainda sem comentários sobre isso).

O novo God of War teve trailer caprichado, mostrando a mudança profunda na câmera e jogabilidade em relação aos games do PS2 e PS3.

Detroit: Become Human pareceu incrível. A cada situação ou diálogo, é possível escolher sua próxima ação e, com isso, mudar todo o destino do jogo. Marcus, o protagonista, lidera um esquadrão de colegas na luta contra invasores.

Para encerrar, o caprichado Spiderman da Insomniac. Voar com o herói pelas cidades nunca foi tão divertido e, com o poder do PS4, os combates nunca foram tão espetaculares. Parece filme de primeira linha.