Lava Jato

Hackers invadem site da Odebrecht e deixam mensagem de apoio à Polícia Federal

Invasão site Odebrecht

O site da construtora Odebrecht, investigada na Operação Lava Jato, foi invadido por hackers na madrugada desta quinta-feira (10). A página inicial foi substituída por uma versão modificada pelo invasor, que assina como MrKryptoNet e diz pertencer ao grupo ProtoWave. Nela, há uma mensagem de apoio à Polícia Federal e xingamentos à empresa. “E ai galera da Odebrecht, como estão? Roubando bastante? Estão ricos né safadinhos (sic)”, diz um trecho. Em outra parte, o hacker alega que não roubou nem apagou nada, mas só deixou o aviso. Como tem virado praxe em ataques do tipo deface, uma música podia ser ouvida por quem acessasse a página. Identificamos a faixa como Automatic, do E-dubble. Por volta das 8h, quando tentamos entrar na página da Odebrecht, o site não estava carregando. Entretanto, uma mirror (espelho) da invasão ficou arquivada neste site aqui.

Marcelo Odebrecht, presidente da empreiteira, foi preso em 19 de junho deste ano durante a Operação Erga Omnes, um braço da Lava Jato. Ele é um dos dez brasileiros mais ricos do país, segundo a Forbes. O nome da operação, em latim, significa “vale para todos”. Veja notícias sobre a Odebrecht no Diario de Pernambuco.

ATUALIZAÇÃO: A Odebrecht enviou uma nota à imprensa se pronunciando sobre o ataque e repudiando a invasão. A empreiteira fala que tomará as medidas cabíveis.